Outubro Rosa

 

Com a chegada do mês de outubro, logo se vê todo o mundo se colorindo de rosa. Nós, da Laços e Rendas de Teixeira de Freitas, logo nos prontificamos em fazer algo além de alfinetar uma fitinha cor de rosa em nosso peito. Foi assim que nasceu nossa vitrine viva!

Com modelos voluntárias, tiramos momentos do mês para chamar a atenção das pessoas ocupadas em suas atividades do dia a dia a olhar um pouco para o lado e refletir sobre o assunto. E deu muito certo! Felipe dos Santos, estudante, quase não acreditou quando passou despercebido pela calçada de nossa loja, “eu sei que é comum este tipo de ação nesta loja, já vi moças vestidas de noivas dando tchau pra quem passava na rua, mas modelos vestidas de rosa é realmente muito legal!”, afirmou Felipe.

Segundo nossa gerente Mara, o outubro rosa tem um significado ainda maior para a Laços. “Tivemos clientes que enfrentaram o câncer de mama e que, por ter feito o diagnóstico precoce, conseguiram vencer a doença. Precisamos chamar a atenção das mulheres para fazer o auto-exame e fazê-las entender que quanto mais cedo souberem, maior a chance de cura!”, comentou a Mara.

Somos três lojas em dois estados diferentes, Bahia e Minas Gerais, e somos em grande maioria mulheres! Lidamos diariamente com mulheres que carregam suas histórias e que as compartilham com a gente. Tivemos uma cliente que, apesar de estar em tratamento de quimioterapia, não desanimou e realizou o sonho de se casar e hoje está curada!

Outubro passou voando, logo mais já novembro, mas a ideia deve sempre estar em nosso peito: se toque, se cuide, se ame!

Vestido perfeito para a colação de grau!

A formatura é um momento muito especial — trata-se da concretização de um sonho, conquistado com muito esforço e dedicação. Por isso, o momento de colar grau é tão importante: é ele que oficializa o término de uma etapa na nossa vida.

Uma das questões mais comuns para quem está se formando é a escolha do vestido para a colação de grau. Nessa hora, podem surgir muitas dúvidas, como qual é o modelo, o tecido e o comprimento ideal, por exemplo.

Encontrar o vestido perfeito para esse momento é o grande desejo de muitas mulheres. Por isso, no post de hoje nós vamos te ajudar com alguns toques para facilitar esse momento de decisão. Confira agora 4 dicas para não errar na escolha:

1. Evite vestidos volumosos

A primeira dica é preferir os modelos que não tenham muito volume, como saias rodadas, tules e babados. Lembre-se que durante a colação você estará de beca, o que naturalmente não vai te favorecer muito. Quanto mais volume tiver por baixo dela, maior você vai aparentar ser e mais difícil será ajustar a cintura.

Você terá bastante pano te cobrindo durante a cerimônia, não vai precisar de ainda mais. Escolha tecidos mais leves, que acompanhem o caimento do corpo e não fiquem armados. Outras duas coisas para evitar são as mangas e golas volumosas: elas podem te atrapalhar bastante durante a colação, além de aumentarem o calor – não esqueça que você estará com muita roupa no momento.

2. Escolha modelos confortáveis

A cerimônia pode demorar bastante, por isso é fundamental escolher um vestido para colação de grau que seja confortável, um modelo no qual você se sinta bem. Por mais que um tempo de duração seja estabelecido, imprevistos acontecem e a colação pode atrasar. Na hora de escolher o modelo pense em por quanto tempo você aguentaria usá-lo.

Outra dica é escolher um modelo que traga, além de conforto, mobilidade. Você precisará caminhar, sentar, levantar, posar para fotos e talvez subir e descer escadas, então esteja com um vestido que facilite esses movimentos.

3. Não erre no comprimento do vestido de colação de grau

Essa é uma dúvida muito comum das formandas: qual o comprimento adequado para o vestido de colação de grau?

Você pode escolher modelos longos, médios ou curtos, dependendo do seu estilo e do modelo que preferir. Porém, é importante pensar em qual tamanho traz mais conforto para você. Um vestido longo pode atrapalhar na hora de caminhar — não esqueça que você ainda estará com a beca, que é longa.

Além disso, um vestido muito longo tende a ser volumoso e ficará com muito pano sobrando quando o comprimento da beca acabar. Se a sua escolha for pelo longo, busque um tamanho que se aproxime do da beca. Por outro lado, vestidos curtos demais nem sempre trazem a formalidade que o momento pede, e você terá fotos apenas com o vestido, sem a roupa característica da colação: pense se no futuro você não será confundida nas fotos com uma convidada.

4. Respeite o seu estilo

A dica mais importante de todas é essa: respeite o seu estilo e a sua personalidade na hora de escolher o vestido para colação de grau. Durante o processo de decisão vemos muitos modelos lindos, mas é bom refletir se eles combinam com a sua identidade, com o que você gosta.

Uma boa dica é verificar que tipo de roupa você tem no seu armário: se você não encontrar lá nenhum tomara-que-caia, por exemplo, isso pode significar que você não gosta muito desse modelo e talvez ele não seja a melhor escolha para a colação.

A melhor maneira de escolher o vestido perfeito para colação de grau é respeitando seus gostos e pensando no seu conforto: quanto melhor você estiver se sentindo durante a cerimônia de formatura, mais linda estará.

Agora que você já sabe como escolher o vestido da cerimônia de formatura, não se esqueça de conferir como escolher o look para um casamento!

Vai ser madrinha e o casamento é de dia? Confira 5 dicas para arrasar no look!

Ser madrinha de casamento é uma tarefa muito especial e que requer muita responsabilidade. Afinal, a noiva te escolheu porque confia em você!

Além de ajudá-la na organização da festa e da cerimônia, a madrinha também precisa estar linda para o grande dia. Mas como encontrar uma roupa que combine com casamento de dia?

As cerimônias e festas noturnas são mais tradicionais, e a mudança de horário pode causar certa complicação na hora de escolher a cor e o modelo ideal do vestido. Para te ajudar nessa importante tarefa, fizemos este post com todas as dicas que você precisa saber para arrasar como madrinha. Vamos lá!

 

  1. Qual é o estilo da festa?

Leve em consideração o grau de formalidade da cerimônia. Será numa igreja, num estilo mais clássico ou num espaço aberto, como um num sítio ou numa praia? Saber as respostas para essas perguntas te levará para uma escolha certeira.

 

  1. Há um modelo ideal?

No caso de uma cerimônia mais informal, os comprimentos dos vestidos podem ser variados. Longos ou acima dos joelhos, o que você achar melhor para o seu corpo e que combine com a sua personalidade. Quer uma opção meio termo? O comprimento midi é perfeito, já que consegue ser um clássico sem exageros.

Se o local exige um vestido do tipo formal, os longos sempre são a primeira opção. Caso queira fugir um pouco do comum, os modelos de saia longa e top cropped estão em alta. Você só precisa escolher o tecido certo. O mais importante é optar por uma roupa que tenha a sua cara!

IMPORTANTE: não podemos nos esquecer de que a noiva pode ter determinado um modelo específico para as madrinhas usarem. Esse tipo de costume é muito visto nos casamentos norte-americanos e se tornou tendência aqui no Brasil.

 

  1. Qual é o melhor modelo para o horário?

Casamentos durante o dia costumam ser mais quentes, portanto vestidos com alça, manga curta ou tomara que caia são ótimos companheiros. Se for usar um longo, aproveite para colocar uma fenda – além de dar um charme, ajuda a diminuir o calor!

E como a temperatura depende da estação do ano ou da sua região, se você fizer a compra pouco antes do casamento, dê uma olhada na previsão do tempo.

 

  1. Decote pode?

Pode sim, desde que não se torne o centro das atenções, ou seja, não deve ser muito exagerado!

Uma boa dica é usar um vestido que seja mais fechado na região do colo (ideal para mulheres com seios pequenos) e que deixe as costas nuas. Você também pode usar tecidos, como a tela, para mostrar partes específicas sem pesar na dose. Eles estão em alta e são facilmente encontrados em lojas de aluguel de roupas.

 

  1. Qual cor escolher?

Se a noiva já não tiver determinado a cor da roupa das madrinhas, cores claras e suaves são as que mais combinam para um casamento durante o dia. Mas isso não significa que tons mais fortes, como o azul-marinho ou o vinho não possam ser usadas.

Outros fatores devem ser levados em consideração, como o local da festa e o modelo do vestido. Só não use uma cor que possa facilmente ser confundida com o branco, certo?

Quer saber mais sobre como encontrar a roupa perfeita para um casamento de dia ou à noite? Siga nossa página no Facebook e não perca nenhuma novidade!

Bolsa para festa: 4 dicas para não errar na escolha

Os acessórios fazem toda a diferença em looks mais sofisticados para uma mulher. E com tantos apetrechos para carregar na hora de sair, a bolsa se torna uma acompanhante indispensável, independentemente do seu tamanho.

Quando a ocasião é mais formal, como uma festa, muitas dúvidas surgem sobre qual modelo usar.

Nessas horas, é comum querer aliar um bom design à funcionalidade, mas também é importante lembrar que a bolsa para festa é sempre pequena.

O segredo para descobrir qual é a bolsa certa para cada ocasião é mais simples do que você imagina, e nós preparamos algumas dicas infalíveis para você não errar na escolha! 

 

  1. Estilos

Aqui é onde entra a sua personalidade: quem tem estilo clássico e não quer arriscar pode preferir modelos monocromáticos, discretos e retos — como carteiras de mão ou estilo envelope. 

Os estilos-caixa, por outro lado, conquistam as mulheres mais ousadas. As mais jovens podem apostar nos modelos lúdicos, divertidos e bem estampados, que dão um toque de originalidade ao look.

Quem quer destacar o visual sem deixar a elegância tradicional de lado pode apostar no requinte das clutch joias, geralmente metalizadas e marcadas por muita textura, brilho e aplicações. 

 

  1. Materiais

O céu é o limite quando se trata de tipos e possibilidades de materiais para escolher. Tecidos como seda ou cetim, apesar de poderem se sujar facilmente, são mais recomendados quando a ocasião pede trajes finos, como uma festa de 15 anos ou casamento.

Mas não pare por aí: você também pode optar por clutches ou carteiras de veludo, lantejoulas, bordados e pedrarias. Quando a festa já não é assim tão formal é possível também pensar em bolsas pequenas de couro, plástico ou tecidos simples. 

 

  1. Cores

A cor da bolsa para festa depende da cor do vestido (ou traje) que você usará no evento. Se você estará de preto, por exemplo, escolher uma carteira na mesma tonalidade deixará o visual sem graça: o tom da bolsa deve complementar a cor da roupa e não se misturar com ela.

Pense também no tipo de look. Roupas mais discretas ou monocromáticas pedem bolsinhas mais estruturadas (com estampas, brilho, pedras ou adereços) para adicionar um charmoso contraste ao visual.

Se a roupa já é mais chamativa ou possui muitos detalhes, escolha um modelo mais básico. Vestidos coloridos, por exemplo, se encaixam bem com clutches metalizadas. As bolsas na cor bronze, prata, dourado e preto são acessórios coringas, pois combinam com praticamente tudo!

 

  1. Tipos e formatos

Como você já deve saber, o tipo mais tradicional de uma bolsa para festa é pequeno e em formato retangular — mas você não precisa se sentir presa a esse estilo!

Se quiser mais variedade, é possível escolher modelos arredondados, cilíndricos e até quadrados, sem se preocupar muito com o tipo da sua roupa. Para personalidades fortes e ousadas, aposte em formas divertidas — como de coração, lábios ou livros, que estão super em alta.

Se preferir, você também pode escolher o formato de acordo com seu corpo. Para mulheres magras e altas, modelos redondos são perfeitos. Mulheres mais curvilíneas ficam lindas com carteiras retangulares ou quadradas.

Independentemente do modelo da bolsa que você escolher, lembre-se de que essas são apenas dicas — e não regras! Respeite seu estilo acima de tudo e não arrisque comprar ou usar qualquer bolsa para festa apenas porque está na moda (e não por que combina com sua personalidade).

Gostou do artigo? Compartilhe com as amigas nas redes sociais e deixe-as também por dentro do assunto! 

Traje masculino para festa: como escolher?

Receber um convite para ir a uma festa de 15 anos, casamento, formatura ou qualquer outra festividade é mais que uma satisfação: é uma oportunidade de fazer a diferença e mostrar o seu estilo.

Por essa razão, é imprescindível não errar na hora de escolher o traje masculino para a festa. Uma roupa inadequada ao tema da ocasião, por exemplo, atrai atenção indesejada e pode causar aquela sensação de “peixe fora d’água”. Por isso, reunimos aqui algumas dicas infalíveis para ajudá-lo a não errar no visual. Confira!

Interpretando o convite

O primeiro passo para não errar na escolha do traje masculino para festa é saber interpretar o convite. Além de indicar a data e o local onde ocorrerá o evento, nele você encontrará o estilo de roupa adequado à ocasião.

Geralmente a vestimenta está diretamente ligada ao tema da festa. Por exemplo, celebrações tradicionais pedem trajes mais formais — com terno — ou então black tie — com o uso de smoking.

Já eventos ao ar livre costumam exigir menos formalidade. As festividades na praia e eventos alternativos prezam por um dress code mais casual.

Decidindo entre traje alugado versus traje comprado

Não importa se são os noivos, os padrinhos, os familiares, os formandos ou demais convidados. A dúvida é sempre a mesma: alugar ou comprar o traje para a festa? Para responder a esse constante questionamento é importante que você reflita se é um bom investimento comprar a roupa.

Caso a intenção seja usar o traje apenas em uma ocasião, muito provavelmente ele ficará no guarda-roupa, sem utilidade. Se você se identificou com essa situação, não pense duas vezes e alugue o seu traje! Além de recebê-lo limpo, passado, ajustado ao seu corpo e pronto para usar, você poderá – inclusive – ter um novo traje em cada ocasião.

Escolhendo o traje masculino para festa

Uma vez que você já sabe o tema da festa e optou por alugar o traje masculino, é hora de se atentar ao vestuário. Cada ocasião exige uma vestimenta específica que pode levar em consideração diversos fatores. Veja:

Festas de 15 anos e formaturas

Para as festas de 15 anos e formaturas que exigem traje social ou passeio completo, escolha um terno e sapato escuro, uma gravata simples e discreta e camisa clara. Lembre-se que é fundamental que todas as peças escolhidas estejam na mesma tonalidade, tecido e padronagem. 

Para usar de dia

Em cerimônias diurnas, como festas de casamento na praia, aposte em cores claras (bege, creme ou azul) e dê preferência pelo paletó ou blazer. O dress code permitirá uma maior liberdade com peças mais leves e frescas. 

 

Para usar de noite

Preto e chumbo são as cores indicadas para o traje masculino em cerimônias noturnas. Se você tiver sido convidado para um casamento, evite usar o fraque, já que costuma ser opção de traje do noivo.

Outra dica importante é sobre o uso de acessórios. Gravatas com cores muito chamativas ou largas demais devem ser evitadas, porque costumam passar uma imagem de desleixo.

Meias brancas são outro equívoco do qual os homens devem passar longe, pois dificilmente combinam com a vestimenta: o ideal é que elas sigam o mesmo padrão de cores do resto da roupa.

Agora que você ficou por dentro das melhores dicas sobre traje masculino para festa, não deixe de colocá-las em prática para garantir um visual impecável! Aproveite também para conferir quais são as 4 maiores tendências para a roupa do noivo.

Vestido de festa plus size: 3 dicas para acertar na escolha!

Na hora de escolher seu vestido de festa plus size, muitas dúvidas passam pela sua cabeça, não é mesmo? Você se questiona sobre o tecido, o comprimento, a cor ideal e muitos outros detalhes que são fundamentais para o look.

Muitas dessas incertezas vêm daquele pensamento de que é preciso ter um corpo padrão para usar modelos mais estilosos. No entanto, essa é uma ideia completamente ultrapassada: não existe tal concepção de corpo ideal, e o que importa é sentir-se bem e valorizar a sua beleza com bom gosto.

Por isso, separamos algumas dicas bastante úteis para te ajudar na hora de escolher o seu vestido. Confira! 

1. Dê atenção ao caimento do vestido

Um grande erro cometido por muitas mulheres é usar vestidos de festas mais largos e extremamente compridos nos quais sempre sobra tecido, seja nas costas ou na cintura. Isso acontece porque elas estão condicionadas a achar que assim terão um modelo mais tradicional e apropriado para a festa, o que não é verdade!

Você não deve usar trajes que não valorizem o seu físico e a sua beleza. Aposte sempre em peças com caimento que destaque a sua silhueta, modelando-a.

Além disso, você também precisa ter o mesmo cuidado com aqueles vestidos que possuem menor comprimento e são mais justos, já que eles marcam o quadril e a barriga, dividindo o seu corpo. Atenção redobrada ainda com o busto, pois há modelos que realçam muito o volume dessa área, especialmente em mulheres que tem seios maiores.

A dica é usar peças com alças mais largas ou, se possível, com mangas. Evite aquelas com grandes decotes ou que sejam fechadas no colo. Os modelos frente única, império e drapeado são ótimas opções.

2. Não tenha medo de experimentar novas cores

Vestidos de festa plus size não precisam se limitar apenas a tonalidades mais sóbrias. Você pode e deve investir em cores que representem sua personalidade e seu alto astral. Azul cobalto, amarelo, quartzo rosa, lilás e as nuances de vermelho são um exemplo.

Outra sugestão é usar tons que realcem o seu tom de pele. Se você tiver a pele morena, por exemplo, aposte no roxo, tons terrosos, verde mata, turquesa ou salmão. Se sua pele for negra, invista na harmonia com o dourado, laranja, coral e rosa pink.

Agora, se for branca, o contraste com cores frias e escuras como azul escuro, vinho, carbono, marrom e a marsala são uma excelente opção.

3. Escolha um tecido apropriado para o vestido de festa plus size

O tecido é outro detalhe fundamental para você escolher o vestido de festa ideal. Os modelos mais pesados devem ser evitados, pois tiram o brilho da sua produção e também atrapalham sua mobilidade e sua diversão.

Opte por aqueles que são mais leves e soltos, pois lhe conferem um ar mais feminino e elegante. Abaixo reunimos alguns dos principais tecidos e suas características para você escolher aquele que é mais adequado à ocasião:

  • Seda: é um dos tecidos mais usados pela sua qualidade, maciez e caimento além de ser indicado para dias mais quentes. Para quem não abre mão de se vestir com conforto, leveza e glamour, essa é uma boa opção.
  • Tafetá: ideal para realçar a sensualidade feminina com sutileza. Embora seja um tecido bastante fino, não se deixe enganar: ele é bastante duradouro e resistente.
  • Chiffon: graças ao seu excelente caimento, ele é bastante usado, especialmente em vestidos plus size, devido a sua maleabilidade.
  • Renda: ela caiu no gosto feminino pela sua delicadeza e riqueza de detalhes. Geralmente os efeitos vazados e com desenhos delicados são os preferidos.

Agora é hora de pôr nossas dicas em prática e escolher um vestido de festa plus size que tenha um excelente caimento, valorize sua silhueta e não abra mão do requinte! Confira também nossas sugestões para escolher o vestido de casamento plus size perfeito.

O que você precisa saber antes de alugar um vestido de festa?

Momentos especiais pedem uma roupa à altura. Para essas ocasiões, alugar um vestido de festa é a opção mais inteligente, pois alia uma grande variedade de modelos a um preço bem mais em conta do que seria cobrado se você fosse comprar o look.

No entanto, antes de alugar um vestido de festa é preciso tomar alguns cuidados para evitar aborrecimentos desnecessários em um momento tão importante. Veja aqui o que você precisa saber para arrasar na escolha:

Comece a pesquisa para alugar um vestido de festa com antecedência

Quando você pensa em alugar um vestido de festa, planejamento é essencial. para evitar momentos de stress desnecessários, é importante pesquisar as opções com a maior antecedência possível.

Fazendo tudo com calma, você poderá comparar preços e escolher o modelo que mais lhe agrada, sem correr o risco de precisar alugar um vestido de que não gostou tanto apenas porque o prazo está apertado. Além disso, quanto mais tempo você tiver, mais vestidos você poderá provar, o que aumenta as chances de que você encontre o modelo perfeito.

O ideal é que noivas comecem a procurar o vestido com oito meses a até um ano de antecedência. Para as madrinhas, esse prazo varia entre seis e três meses. Obviamente o aluguel pode ser feito com muito menos tempo de antecedência, mas é melhor não se arriscar, não acha?

Não tenha preguiça de provar vários modelos

Por  falar em tempo para provar vários vestidos, essa é uma regra de ouro para quem quer alugar um vestido de festa: não tenha preguiça! Encare a atividade como uma diversão: que tal fazer isso acompanhada de alguém da família ou de uma amiga querida, por exemplo?

Normalmente, não é o primeiro vestido que você prova que se ajusta perfeitamente ao seu corpo ou que tem um bom caimento. Selecione várias opções de cores e modelos que lhe agradam e experimente todos.

Muitas vezes, por cansaço ou impaciência, algumas pessoas acabam alugando um modelo do qual não gostaram tanto apenas para encerrar a busca. Você não vai querer estar com um vestido “mais ou menos” nesse dia tão especial, não é mesmo?

Esteja aberta a novas possibilidades

Na hora de alugar um vestido de festa, é importante ter uma ideia do que você está buscando, mas também é interessante estar aberta a novas possibilidades. Muitas vezes, o modelo que você escolheu fica lindo no manequim, mas não é  o mais adequado para valorizar os pontos fortes do seu biótipo.

Se o local onde você for alugar contar com uma consultora de imagem, procure levar em consideração a opinião dela. Esse tipo de profissional é treinado para valorizar o tipo físico da cliente e ajudá-la a escolher o modelo mais adequado.

Cheque o vestido minuciosamente

Gostou muito de um modelo e acha que encontrou o vestido perfeito? Não, essa ainda não é a hora de fechar o negócio. É importante que você não tome a decisão impulsivamente. 

Verifique a reputação da loja no mercado e cheque o vestido minuciosamente: acabamento, caimento e estado geral da peça. Muitas vezes, ficamos tão empolgadas com um modelo que acabamos deixando passar detalhes que podem comprometer um dia tão especial. 

Normalmente, lojas de qualidade e com tradição no mercado mantêm modelos impecáveis e dão toda assistência à cliente caso haja necessidade de eventuais reparos, mas é bom ficar atenta!

E você, gostou das nossas dicas de como alugar um vestido de festa? Então não deixe de conferir quais são os melhores acessórios para combinar com o modelo perfeito!

Tons nude: como usar essa tendência na formatura?

Considerados os queridinhos entre as blogueiras e fashionistas, os tons nude são ótimos coringas para diferentes ocasiões. Para quem ainda não se familiarizou com o termo, o nude é considerado uma tonalidade que se aproxima ao tom da pele, e as cores variam conforme quem o utiliza.

Eles podem aparecer em maquiagens, acessórios, esmaltes e objetos comuns do dia a dia — até mesmo em cabelos, como o loiro nude das famosas de Hollywood. Em eventos como uma formatura, por exemplo, essa é uma tendência que pode (e deve!) ser valorizada. 

Confira nossas dicas sobre como montar um look super cool com os tons nude!

Por quê e como escolher tons neutros?

Nas passarelas, o nude aparece em vários vestidos de festa — como é o caso das grifes de Valentino e Dior. Ele também estampa diversas capas de revista em looks de personalidades e verdadeiros ícones da moda, como Kate Middleton, Drew Barrymore e Sarah Jessica Parker. 

Embora este tom seja elegante, moderno e discreto, é muito importante saber como usá-lo sem que você fique apagada e sem graça. A dica é entender sobre a quantidade de cor para cada momento: no look completo ou em apenas alguns acessórios. 

Quando combinado com um naked dress, por exemplo, o nude perde o tom formal e ganha uma vibe mais sexy. Transparências, telas, rendas e tecidos finos transformam vestidos clássicos e básicos em looks ousados e muito chiques! 

Que tal um vestido longo nude com renda e transparência? Um arraso!

Como montar um look de formanda em tons nude?

As formandas são o centro das atenções na noite da festa de formatura, afinal, este é o momento delas de brilhar! Por isso, a dica é usar o nude apenas se você se sentir confortável e achar que combina com o seu estilo. 

Mulheres com a pele muito branca tendem a “sumir” quando optam por estas cores. Sendo assim, se você pega pouco sol, a recomendação é usar acessórios em tons nude. Os sapatos, por exemplo, alongam a silhueta e te dão ainda mais destaque. 

Se você possui muita melanina ou cabelos bem escuros, aposte em vestidos longos e curtos nesse tom: o contraste com a cor neutra ficará por conta dos acessórios coloridos. Vale a pena investir em colares, brincos, pulseiras, bolsas e sapatos de outros tons (como preto, prata ou dourado). 

E para os convidados: qual look usar?

Os convidados podem abusar do nude em festas de formatura! Estes tons podem criar e segurar um look mais clássico — para eventos como colação —, mas podem ser usados facilmente em vestidos longos nas festas também. 

Procure por maquiagens em tons nude, por exemplo. Além disso, os acessórios desta cor podem ser ótimas peças para se ter no guarda-roupa, pois combinam com diferentes tonalidades e modelos de vestidos. 

E aí, gostou de nossas dicas de como usar a tendência de tons nude na formatura?  Então continue nos acompanhando e leia mais sobre dreescode, casamentos e outras festas

Aprenda a fazer 5 tipos de coque para você brilhar na festa de formatura!

Já pensou em encontrar o seu coque preferido e arrasar em seu evento com um penteado despojado e sensual?

Muitas mulheres ficam inseguras ao prender completamente o cabelo com o coque, mas está na hora de mudar isso e abusar da sensualidade desse penteado! Afinal, o coque confere elegância à produção e tem o poder de deixar as mulheres sensuais com seus ombros à mostra.

Que tal usar um vestido com aquele decote ou bordado nas costas e deixar que todos o vejam com um lindo coque? Veja os estilos de coques que vamos te ensinar a fazer:

1. Meio coque

A nossa primeira opção é para as mulheres que não estão acostumadas a prender os cabelos totalmente. É um coque feito mais no alto da cabeça, no qual metade dos cabelos fica solta e a outra metade usamos para fazer o coque.

Basta dividir o cabelo em duas partes, traçando uma linha reta de uma orelha à outra. Em seguida, prenda a parte de cima com um elástico, um pouco mais alta do que de costume, enrole o cabelo e use grampos para fixar o coque, para que ele não desmanche no meio de evento.

Deixe a parte de baixo solta e finalize da maneira que mais lhe agrada. Você poderá usar os fios lisos ou ondulados. Esse penteado fica lindo com brincos grandes, em cascata!

2. Coque minimalista

Ideal para mulheres que gostam de estar impecáveis, sem um fio de cabelo fora do lugar. Para começar, divida o seu cabelo ao meio, em seguida prenda-o na altura da nuca, deixando os fios bem alinhados.

Para fixar esse fios, use spray de fixação e ajeite os fios soltos com pente bem fino. Para fazer o coque, enrole o rabo de cavalo com os dedos e prenda-o com grampos.

Para finalizar, abuse do spray em todo o cabelo. Uma dica é fazer uma maquiagem bem elaborada com boca vermelha e usar brincos e colar bem delicados.

3. Coque bagunçadinho

Esse coque é a cara da mulher moderninha, que gosta do despojado sem deixar a elegância de lado. Para conseguir dar mais textura e volume ao seu cabelo, aplique shampoo seco nos fios e, em seguida, faça um rabo de cavalo bem alto.

Depois, vá enrolando o cabelo em espiral, mas não aperte, deixando mais solto para obter mais volume. Faça o coque e fixe com grampos. Antes de finalizar, solte alguns fios de forma aleatória e depois capriche no spray de fixação.

Abuse dos brincos grandes de pedraria e, na maquiagem, ressalte os olhos com um lindo delineado “gatinho” ou um super esfumado preto.

4. Coque volumoso (cabelos ondulados ou cacheados)

Esse coque é superlindo e seu ponto-chave é o volume, o tamanho do coque. Para as mulheres com cabelos ondulados ou cacheados, basta prender os cabelos em um rabo bem alto, sem esticar muito os fios para que não se desmanchem os cachos, apenas deixando-os alinhados.

Em seguida, torça o cabelo duas ou três vezes e prenda com outro elástico ou grampos, finalizando com spray. Esse penteado combina perfeitamente com uma maquiagem bem iluminada e maxicolares ou maxiargolas.

5. Coque volumoso (cabelos lisos)

Para as mulheres de cabelo mais liso, o indicado é fazer um rabo de cavalo bem alto e alinhar os fios dando acabamento. Em seguida, separe mechas de aproximadamente dois dedos e enrole-as com os dedos, prendendo-as com grampos.

Repita o processo até prender todo o cabelo e formar um coque bem gordinho. Garanta que as mechas não se soltem com os grampos. Finalize com o spray de fixação. Para arrematar a produção, opte por brincos longos que quase cheguem aos ombros e batons mais escuros, que dão um ar mais glam à produção.

A versatilidade desse penteado é tanta que ele vai pode ser utilizado desde no dia a dia a até em um evento de gala, apenas mudando-se os acessórios e a maquiagem. Cada coque combina com um tipo de personalidade, com um tipo de mulher.

E você, gostou dessas dicas? Agora que já viu como arrasar no penteado, não deixe de conferir 5 dicas de maquiagem para realçar a sua beleza!

5 truques de moda para valorizar seus pontos fortes no próximo evento!

Você tem uma festa para ir e quer chegar abalando. Mas antes de começar a provar as roupas do armário ou sair em busca da peça perfeita, é preciso ficar ligada em alguns truques de moda!

No post de hoje, ajudaremos você a escolher o modelo certo de roupa para o seu tipo de corpo, destacando seus pontos fortes e evitando que você se arrependa da compra depois. Vamos lá?

Os melhores truques de moda

Conheça o seu tipo de corpo

Não importa se você é alta, baixa, tem busto grande ou pequeno, se é magra ou robusta: toda mulher pontos fortes em seu corpo que devem ser valorizados para realçar sua beleza natural. O que você precisa é encontrar peças que combinem com o seu tipo de corpo.

Por exemplo, para quem tem o quadril mais largo e adora ficar com aquele corpo tipo violão, as roupas de cintura alta são perfeitas. Elas desenham as curvas no corpo da mulher e ainda ajudam a disfarçar aquele “pé de barriga” que todas nós temos.

Alongue a silhueta

Não tem problema nenhum em ser a baixinha da galera, mas existem várias possibilidades no mundo da moda que te permitem ganhar uns centímetros a mais caso queira. Você deve apostar nas seguintes peças e looks:

  • Estampas com listras verticais;

  • Roupas um pouco mais justas, mas que proporcionem conforto;

  • Peças acinturadas dão a impressão de pernas mais longas;

  • O decote em V é excelente para quem tem o pescoço curto ajudando a alongar o tronco;

  • Visual monocromático dos pés à cabeça;

  • Colar comprido também ajuda;

  • Use e abuse das saias longas;

  • Não use saias com comprimento abaixo do joelho.

Fique com os seus maiores

Quem tem o busto pequeno pode usar alguns truques e aumentar o volume dos seios sem precisar ir para a mesa de cirurgia. Use peças que consigam dar volume à região: babados, franzidos, estampas e drapeados.

Quanto aos acessórios, aposte em colares mais curtos que mostrem o busto. E é claro, o sutiã com bojo não pode faltar e os modelos mais indicados são: frente única, alcinha, império e trapézio.

Disfarce as gorduras indesejáveis

Sempre tem aquela gordurinha que incomoda aqui e ali e na hora de vestir uma roupa elas podem te estressar, ficar marcando e apertando onde não deve. Existem alguns modelos de blusas, por exemplo, que são perfeitas para disfarçar aquela barriguinha a mais, como as com peplum. Já na hora de usar um vestido, os modelos com faixas transpassadas são excelentes!

Faça a sua cintura

Se você tem o corpo tipo retângulo pode investir em peças que ajudem a marcar a cintura. As saias, calças e shorts de cintura alta são ideais para montar esse tipo de visual pois essas peças deixam o look bem acinturado.

Você também pode usar vestidos mais rodados e marcados na cintura ao melhor estilo Lady Like, mas os vestidos justos, como os tubinhos, ficam muito bem, basta apostar num dos truques de moda mais conhecidos e investir nos cintos.

Agora que você está pronta para arrasar no dia a dia, que tal se preparar para as ocasiões especiais? Fique por dentro dessas 5 tendências incríveis de roupas para madrinhas de casamento que preparamos para você acertar no look!